<< VOLTAR

A necessidade de reduzir riscos de contaminação ambiental e a preocupação com a preservação do meio ambiente vem impulsionando a indústria a buscar alternativas para controlar os impactos gerados por seus processos, produtos e serviços. Nesse intuito, a estruturação de um sistema de gestão ambiental é uma maneira viável de agregar confiabilidade e condições de atendimento aos requisitos legais cada vez mais exigentes, bem como gerenciar riscos, oportunidades do negócio e aspectos ambientais significativos, reduzindo os possíveis impactos. Independentemente do porte, tipo ou natureza do negócio, do nível de complexidade ou da necessidade ou não de certificação do sistema de gestão ambiental, a utilização da norma ISO 14001 como referência é uma prática muito usual e comprovadamente vantajosa pela sua credibilidade e abrangência. Essa norma especifica os requisitos para um SGA que aumente o desempenho ambiental das organizações, gerenciando suas responsabilidades ambientais de forma sistemática e trazendo benefícios para elas e para as partes interessadas. Antes de iniciar a implantação do SGA segundo a ISO 14001, é recomendável realizar um diagnóstico da empresa, averiguando o atendimentos dos requisitos da norma, fortalezas e fragilidades em relação às questões ambientais e os recursos e prazos para alcançar os objetivos estabelecidos.

O sucesso do SGA não está ligado diretamente a sua forma de implantação, mas sim com o seu propósito no contexto da organização; com o comprometimento de todos os níveis e funções, começando pela Alta Direção. É possível promover ações para implementar medidas de prevenção ou mitigação dos impactos ambientais adversos e intensificar os impactos benéficos, abordando os riscos e oportunidades que estão alinhados com o direcionamento estratégico do negócio, incorporando o SGA na governança. A Bee possui experiência assertiva para apoiar o desenvolvimento do SGA da sua empresa, respeitando sua cultura e contribuindo com a estratégia do seu negócio. Entre em contato!

<< VOLTAR

“ALMA, AMOR, POLINIZAÇÃO, LEALDADE, ORGANIZAÇÃO, CULTURA COLABORATIVA, DISCIPLINA, COMUNICAÇÃO, TRABALHO EM REDE, ATIVIDADES CRIATIVAS, HARMONIA, ASSOCIATIVISMO, RESULTADOS COMPARTILHADOS.”

GMF Desenvolvimento de Sistemas